Respira e não pira: exercícios de respiração para acalmar o corpo e a mente

Atualizado: 17 de Nov de 2020

Desde o início do ano, vivemos tempos difíceis, que exigem muita sabedoria, foco e mindfulness. Conversando com amigos, colegas e familiares, costumo compartilhar as minhas experiências com as mudanças que aconteceram no meu trabalho, no meu corpo e na minha mente. Frequentemente, o que ouço como resposta são histórias sobre como a incerteza do mundo em que vivemos hoje sobrecarrega o nosso dia a dia.



Quando estamos rodeados por inseguranças, é fácil se sentir sufocado, sem chão. Refletindo sobre isso, eu decidi dividir com você algumas técnicas de respiração que aprendi ao longo da vida, estudando e descobrindo as práticas de mindfulness que me ajudam a manter o foco todos os dias.


A ideia destes exercícios é te ajudar a relaxar o corpo e a mente, conforme você diminui e controla o ritmo da respiração e manda mais oxigênio ao cérebro, promovendo um estado de tranquilidade.


Respiração contada


Essa técnica é exatamente como o nome diz: contar o tempo e criar um ritmo de respiração. Eu, normalmente, respiro fundo e inalo por quatro segundos, seguro o ar por quatro segundos e, em seguida, exalo e solto o ar por quatro segundos. O tempo, é claro, vai depender de cada um, o importante é manter o ritmo. A beleza desta técnica está na simplicidade.


Respiração oceânica


Uma das minhas principais fontes de inspiração é o mar. Já falei sobre isso neste episódio do meu podcast Nutrição à Flor da Pele. Por isso, essa técnica me encanta ainda mais.

Feche os olhos e imagine as ondas do mar indo e vindo, sem parar e sempre fluindo naturalmente.


Seguindo o ritmo das ondas, respire profundamente e sem pausas. Repita o processo até que a serenidade das ondas do mar tome conta da sua respiração, promovendo calma e paz de espírito.


Respiração alternando as narinas


Sente-se em uma posição confortável, com as costas eretas e joelhos lado a lado. Com o dedão direito, feche a narina direita e inale profundamente. Em seguida, antes de soltar o ar, solte a narina direita, feche a esquerda e exale. Você pode repetir o processo durante cinco minutos.


Essa é uma técnica de respiração muito eficaz no controle da ansiedade, porque nos faz prestar atenção no ritmo da respiração e esquecer os problemas, mesmo que durante cinco minutinhos. Além de acalmar a mente, essa técnica também restaura o equilíbrio entre as funções do nosso cérebro e preserva o sistema nervoso.


Acredito que estas técnicas de respiração podem funcionar, também, como um mecanismo de defesa do corpo e da mente, fomentando o bem estar e a saúde mental. No entanto, lembre-se de sempre procurar um profissional qualificado, com experiência para acompanhar você na sua jornada em busca de mindfulness.


Com muita energia, Vanessa Suzuki.


19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo